[BONS FLUIDOS]Aromas que curam: um guia completo sobre aromaterapia, seus efeitos no organismo e óleos essenciais recomendados

Os óleos essenciais e, com eles, a aromaterapia nunca estiveram tão na moda como nos dias de hoje. Devido a quarentena grande parte das pessoas teve que reaprender a conviver consigo mesmo — curtindo sua casa, organizando seu espaço, sua idéias, sua espiritualidade. Nessas descobertas e redescobertas na qual alguns tentaram fugir e outros buscaram olhar pra dentro de si mesmo com mais atenção e prática de silêncio, de sua própria releitura acabaram chegando até a aromaterapia. Costumo dizer que a aromaterapia é o perfume que te ajuda a trilhar o caminho para a autoconsciência. Não pense que essa ciência é só indicada para aqueles que meditam, não, ela é indicada para tudo, desde problemas físicos até os problemas mentais e sensoriais.

A aromaterapia é mais que ciência, é uma arte milenar que tem como objetivo promover a saúde e o bem-estar do corpo, da mente e das emoções, através do uso terapêutico do aroma natural das plantas por meio de seus óleos essenciais. Esses óleos são substâncias complexas, voláteis e de fragrância variável, que podem vir de qualquer parte da planta: podem vir da raiz, flor, caule, folhas ou mesmo semente.

CONFIRA MATÉRIA NA ÍNTEGRA

[BONS FLUIDOS] Clean beauty: o novo conceito em cosmética natural que é tendência mundial

Nunca se falou e procurou tanto produtos naturais como nos dias de hoje, parece que as criaturas finalmente entenderam que quanto mais brilho, cor, cheiro e sabor provavelmente mais químicos foram adicionados para garantir esse resultado e quase sempre os metais pesados são os responsáveis.

O fato é que os metais pesados não são os vilões da história, eles podem ser encontrados na natureza e muitos são essenciais para a nossa saúde, mas nem todos — e mesmo os essenciais podem ser prejudiciais.

A manifestação da toxicidade está associada à dose e pode se distribuir por todo o organismo, afetando vários órgãos, alterando os processos bioquímicos e também aquilo que você aprendeu lá nas aulas de biologia, as organelas e membranas celulares.

CLIQUE AQUI E LEIA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA