Por aí com a atriz Patrícia de Sabrit

Este blog não é da revista Caras, mas é com muita satisfação que apresento as dicas da minha grande amiga de longa data, colega do curso de Cinema, que  são só predicados e que dispensa apresentação, a talentosa Patrícia de Sabrit, agora mãe e ainda mais gata do que nunca. Paty mostrou pra gente onde anda …por aí!

Com vocês, com toda exclusividade, as dicas tejardianas de Patrícia de Sabrit!

Praia de Jurerê, apesar do tempo feio,tem muita gente bonita e animada. Um super revéillon
Praia de Jurerê, apesar do tempo feio,tem muita gente bonita e animada. Um super revéillon

Punta D’el Leste (lindo e tb super revéillon, bem internacional!)
Punta D'el Leste (lindo e tb super revéillon, bem internacional!)

Um dos lindos castelos na França ! São todos cheios de história. Amo!
Um dos lindos castelos na França ! São todos cheios de história.Amo!

Montecarlo (o reduto de ricos e famosos) na costa francesa
Montecarlo (o reduto de ricos e famosos) na costa francesa

Angra dos Reis (para mim, um dos lugares mais lindos do nosso Brasil! Aqui numa ilhota onde se pode nadar com os peixes!)
Angra dos Reis (para mim, um dos lugares mais lindos do nosso Brasil! Aqui numa ilhota onde se pode nadar com os peixes!)

Punta d’el leste de novo. Que pôr do sol!!! Inesquecível!
Punta d'el leste de novo. Que pôr do sol!!! Inesquecível!

Neve e muito ski em Zermatt, Suiça. Uma estação linda e para quem ama o esporte com muitas opções de pistas.Inclusive para crianças!
Neve e muito ski em Zermatt, Suiça. Uma estação linda e para quem ama o esporte com muitas opções de pistas.Inclusive para crianças!

O mar de João Pessoa. Quente e lindo!
O mar de João Pessoa. Quente e lindo!

A praia de José Inácio em Punta d’el Leste é o lugar!!!
A praia de José Inácio em Punta d'el Leste é o lugar!!!

Espero que tenham curtido minhas dicas!

Um beijo
Patrícia de Sabrit

Por aí com a top Camila Macedo

Apresento pra vocês as dicas tejardianas de uma super amiga, de longa data e super gata, que se tornou conhecida no Brasil inteiro por ser a dublê de Luana Piovani. Sinceramente Camilão, como a chamamos, é muito mais que isso, ela é dublê de felicidade, estampada no rosto! E é óbvio que com corpão destes ela só poderia dar dicas de praia. Confira as dicas da gata e quem sabe com sorte você encontra além de uma praia perfeita a musa por lá.
Com a palavra, Camila Macedo:

Olá! Meu nome é Camila Macedo, sou modelo e produtora de entretenimento. Sou de Porto Alegre (apesar de ter nascido no Rio) e como o mundo dá voltas, depois de muito rodar por aí, acabei de volta ao Rio, cidade que gosto taanto! Morar próximo ao mar e a praia me faz muito bem. Muitas vezes, num final de semana preguiçoso, só de ir ao calçadão dar uma voltinha de bicicleta ou a pé, já me faz “arejar”. Mesmo adorando o Rio de Janeiro e suas praias, nesse post vou fazer um apanhado das praias que mais gostei de visitar, além da minha preferida no RIo, a Prainha.

A Prainha é uma Reserva Natural, construções na área são proibidas. Fica difícil você lembrar que está numa cidade como RIo de Janeiro, tendo uma praia quase virgem há 40 minutos da Zona Sul. Quando quero surfar, é pra lá que eu vou (ipanema e Arpoador muito cheios!).

Para quem gosta de mar, mas se incomoda com a muvuca de praia, uma dica é alugar uma escuna e dar um passeio próximo às Ilhas Cagarras. Durante o verão, quando as praias estão muito cheias, é uma ótima pedida. Bom pra mergulhar, fazer snorkel e quem sabe, ver uns golfinhos (sim, eles aparecem por aqui!)

Camila Macedo

E de onde se tem uma perpesctiva diferente da cidade. Vista logo após o pôr do sol, no caminho de volta da nossa escuna.

Agora, vamos lá! Saindo do Rio, nosso Planeta Terra oferece praias beem especiais, eis algumas que amei ter conhecido:

Camila Macedo

Praia de Moreré – Ilha de Boipeba – Bahia. Ali tem um tiozinho que está lá há anos, e faz uma lagosta grelhada na hora. Essas cadeirinhas é onde comemos, assim… cravada na areia!

Camila Macedo

Praia de Cancun. Tudo bem, podem dizer que é cafona, só mega resorts. Tudo bem, é verdade. Mas a água, o mar caribenho… Só lá é assim!

Camila Macedo

Ses Illetes, em Formentera, Espanha. Quer sair da muvuca de Ibiza, como não somos europeus, a praia aqui é mais tranquila para fazer um topless (apesar de T-O-D-O mundo faezr em qualquer praia de Ibiza).

Camila Macedo

Spiaggia del Principe, Sardegna, Itália. Para quem está em Porto Cervo, na Sardegna, é uma das praias mais bonitas e de mais fácil acesso. Sardegna possui uma infinidade de praias, esta é uma das mais frequentadas.

Camila Macedo

Praia do Leão, Fernando de Noronha. Tenho um caso de amor com a ilha, já fui 3x e pretendo ir em breve novamente. Esta praia é super deserta e se der sorte, dá pra ver as tartaruguinhas saindo dos seus ovinhos e entrando no mar…

Camila Macedo

Praia do Amor, Pipa, RIo Grande do Norte. Nessa foto, a praia do Amor está atrás desse chapadão. Eu digo que a Pipa é a Praia do Rosa do nordeste… Muita gente bonita, descolada, festas. Muitos gringos são donos de pousadas e fizeram sua vida ali.

Esperam que tenho curtido minhas dicas! Um super beijo! Camila Macedo!

Pavor de quem…

Pavor de quem…

Rança;

É bagaceira;

Para na sua vaga e diz que é rapidinho;

Faz aquele esquema de separar a gema da clara do ovo dentro da casca;

Não acredita em et;

Separa as moedas em grupinhos e enrola em durex;

Fala “namorido”;

Sai escovando os dentes caminhando pela tua casa bem devagar e olhando as paredes;

Pergunta se o celular é TIM;

Dá aquelas cuspidinhas curtas;

Grita na rua: “Oh alemão! “

Esfrega a mão no vidro embassado do ônibus;

É combinandinho;

Tem pêlo na orelha;

Acredita que All-Star é confortável ;

Abre embalagem de leite com tesoura;

Não acha engraçado a Fernandona da MTV;

Abre presente descolando o durex;

Toma tequila e dá aquela rapida batidinha com os dedos ;

Se esforça pra agradar;

Ri de quem escreve “menas”, mas escreve “agente” e “simplismente ” ;

Acha que o verbo enfocar existe, só no mundo das focas!

Limpa ouvido com cotonete e toca pela janela;

Fala “gata garota”;

Tem barba desenhada;

Fica pendurado no face quando está “conversando” com você;

Não conhece The Doors e The Smiths;

Desconhece o hino nacional, mas sabe todas as letras da Madonna;

Diz que tá desenvolvendo um projeto, aliás sabe-se que há anos;

Precisa Lexotan pra acordar e Rivotril pra dormir e usa floral porque tá muito ansiosa;

Usa crocs e bermuda cheia de bolsos;

Fala alto;

Faz coração com a mão e ainda aponta pra você;

Usa meia “carpim” com tênis;

Pede o meu filtro solar na praia;

Pede pra dar uma olhadinha nas coisas enquanto dá um mergulho;

Fede;

É catedrático;

Fala que strogonof é comida de suburbano;

Te para na rua para perguntar a raça do teu cachorro;

Guarda o recibo do cartão de crédito;

Fala mim isso e mim aquilo;

Te serve com Coca Zero quando você pediu Light;

Emplastra cabelo com creme de pentear;

Para de falar pra assistir videocassetadas;

Acha “pata de camelo” sexy;

Defende os animais, mas não cumprimenta ninguém

Pede nota fiscal assim: “Me vê uma paulistinha?”

Promete;

Pergunta: “-Mas o que ela faz hein?”

Não toma chimarrão em casa, só no Ibirapuera;

Tira foto abraçado com a hostess, fingindo intimidade;

Joga papel na rua;

Lava calçada com mangueira;

Acha que o amor não existe em São Paulo;

Fala com voz séria : “Precisamos conversar”;

Nunca leu o Pequeno Príncipe ;

Critica que eu critico.

Não faça do seu fígado um foie gras! Desintoxique-se! Uh la la!

\SIR-DUKEUsersclientescontento�042R-reserva-espacoguia2012-12web

Entre todos os problemas em relação a saúde, o excesso de toxinas poderia ser o maior, mas eu destaco um que consegue ser ainda pior: a maldita gordura no fígado! Gordura no fígado só se for no ganso ou no pato, o sofisticado foie gras( fígado gorduroso), mas infelizmente tem muita gente por aí com fígado pior do que estes penosos , só nos Estados unidos mais de 20% da população é afetado por esse mal.

Muitas pessoas acham que estão intoxicadas por causa das toxinas encontradas nos alimentos mas não podemos esquecer que o fígado é o maior responsável pela limpeza destas. Lembro de uma aula de fisiologia onde aprendi um termo chamado “SISTEMA MICROSSOMAL HEPÁTICO”, nunca mais esqueci, achava o máximo dizer que sabia pronunciar e principalmente entender o que era este tal sistema, simplificando este sistema é o responsável pela limpeza e metabolização do nosso organismo e obviamente ocorre dentro do hepatócito (célula do fígado). Quanto maiores as complicações nesse órgão, que deveria ser chamado coração, já que é o maior responsável pela “distribuição de vida” no nosso corpo, maior a dificuldade para processar qualquer tipo de toxina.

Quando se fala em fígado gorduroso, muita gente diz: “Mas eu não sou alcoólatra!”, o álcool certamente também é um dos culpados, mas a maior causa é a toxina mais abundante na nossa alimentação: o maldito e saboroso açúcar, um doce veneno!

A ingestão de açúcar, de carboidratos refinados e de xarope de milho com alto teor de frutose aumenta os níveis de insulina e a resistência a este hormônio, que leva a um acúmulo de gordura nos hepatócitos. Oh dó!

Para entender este funcionamento: o açúcar transforma-se em triglicerídeos (gordura no fígado) que acaba invadindo as células desse órgão e dos demais também, sendo que as calorias em excesso do açúcar vão aumentar o que chamamos de estresse oxidativo que vão prejudicar as nossas fábricas de energia, as mitocôndrias, que “intoxicadas” não vão conseguir queimar a gordura, nem as calorias, levando a um organismo mais lento e resultando na pior resposta: ganho de peso, um presente grego! Viu só no que dá aquele bolo de aniversário da tua vizinha que teve no último final de semana?

É claro que quanto mais engordurado tiver o fígado mais prejudicado estará o nosso processo de desintoxicação, nessas condições o fígado encontrara-se inflamado, causando o que chamamos de esteatose hepática não alcoólica(EHNA), que é um tipo de hepatite que decorre por resistência a insulina, o fígado gorduroso produz mais inflamão e radicais livres e provoca ainda maior problema às mitocôndrias. O coitadinho do fígado cheio de gordura acaba não conseguindo mais proteger o organismo dos efeitos prejudiciais de outras toxinas ambientais, gerando estragos ainda maiores. Entendeu? Um simples docinho leva a uma cascata de problemas. Não que não se deva comer doces, mas o exagero… tsc, tsc, tsc

Tem gente que não entende porque a amiga (o) come quilos de chocolate e nada acontece. Genética do seu sistema de desintoxicação! Outro passo importante para a desintoxicação é livrar-se dos metais pesados, que vai depender das proteínas e enzimas específicas que se prendem a estes vilões e os colocam pra fora de casa! Também não preciso explicar que quanto mais metais pesados no organismo, mais gordinho você tende a ser!

Neste post eu quis explicar como funciona a intoxicação, nos próximos capítulos de saúde do blog vou citar as medidas para remover esses vilões do organismo e diminuir os efeitos, os passos para a desintoxicação, ficando limpinho(a) e magrinho(a)! Aguardem! Por enquanto só um alerta, antes de atacar a lata de leite condensado, pense duas vezes, não é só uma questão de engordar as laterais, você está acelerando o processo de inflamação e envelhecimento a cada segundo que o infeliz entra deslizando feliz e faceiro por sua boca… como dizia Jim Davis, o autor de Garfield: “Você é o que você come!”

Duras palavras que aprendemos com o tempo

Um dia, lá atrás, quando sua mão ainda era muito pequena, você ia dormir com fome de mamadeira e carinho de mãe e sempre tinha uma desculpa pra chamar por ela: “Ô manhê! Você não leu pra mim a estorinha!”

Você não gostava que desligassem a luz e de ter que ouvir o :“Boa noite! O pai e a mãe estão aqui ao lado!”. Você ficava de rebote esperando eles dormirem pra correr de mansinho pra cama deles;

Passa o tempo e depois do leite com Nescau no copo, você até já consegue ficar no escuro, mas sempre enfiado debaixo do cobertor, o medo dos vampiros que assombram o quarto é ainda maior que o calor que escorre pela tua pequena testa. Você morre de calor, mas não tem a audácia de colocar um dedinho sequer pra fora;

Você reza pelo seu pai, sua mãe, seus avós, seus irmãos, seus primos, seus dindos, seu cachorro, seu passarinho, seu hamster, seus amigos, ninguém pode ficar de fora! Se você esquecer um, ele correrá sério risco de vida;

Ainda nesse tempo teus amigos te ligavam convidando pra dormir na casa deles: “Traz o baralho e o Pula Pirata tá?”

Passa-se mais tempo, você já vai pra cama depois do horário da novela e tá cansado porque estava cheio de tema de casa. Você bebe leite com café.Você reza só pros primeiros da lista e seu cachorro;

Passa-se mais tempo e você agora só dorme com a porta trancada, misteriosamente sua mão não sai debaixo do cobertor. Tem coisas mais interessantes à noite pra se fazer do que rezar;

Passa-se mais tempo e você começa a se perguntar o que vai ser quando crescer; teu corpo não acompanha sua cabeça, ou será a sua cabeça que não acompanha mais seu corpo?Parece que você tem os braços maiores que as pernas e ainda por cima uma perna maior que a outra, a sua voz sobe e desce sem sua autorização…

Suas dúvidas, seus medos… ninguém te entende, o mundo todo tá errado, você é a única pessoa que entende a difícil batalha do que é ser você;

Você se apaixona perdidamente, ela vai ser a mãe dos seus filhos, com certeza;

Passa-se mais tempo, sua angústia se chama prova, você começa a entender o significado da palavra responsabilidade;

A maldita “prova” é o maior problema existente na vida de um ser humano. Talvez próximo desse problema, o problema de não ser o primeiro escolhido pro time de futebol ou de você não ter sido escolhido por quem queria na reunião dançante… tudo encontra-se no mesmo patamar. Você começa a aprender o significado da palavra vergonha.

Passa-se tempo, provas viram seu cotidiano, você se acostuma com elas. Você estuda pela manhã, faz estágio a tarde e dá aulas à noite, você começa a aprender o significado da palavra cansaço. Como sempre você acha que está no limite, que não há maior prova de resistência que possa ser exigida;

Passa-se tempo e as provas mudam de endereço, elas foram transferidas para o novo dono de sua vida, o chamado “banco”. Ele parece ser o seu mais novo e fiel amigo, te abre portas, te faz gente. Você capricha na letra na hora de preencher o presente desse novo amigo, um presente chamado cheque. Cada cheque preenchido, uma carta de alforria ao seu ontem chamado criança. Você hoje bebe só café. Puro. Sem açúcar. Você reza, mas só por você.

Passa-se tempo, nem tanto assim e aquele que se dizia ser seu melhor amigo, o tal banco, arranca a máscara, você começa a entender o sentido da palavra escravidão. Os fantasmas não são brancos, são vermelhos da cor de sua conta e os vampiros tem dentes formados por números. Você é apresentado a sua nova inimiga, a depressão.

Seus outros amigos aos poucos desaparecem, você tá sozinho no meio de uma multidão de fantasmas, as pessoas sabem só dizer: “-Venha a mim!” Mas ninguém pergunta o que pode fazer por você.

Passa-se tempo, você não vê muito sentido naquela correria toda do dia-a-dia.Trabalhar, levantar pra quê? Todo seu esforço vai acabar na casa do seu falso amigo banco no fim…

Daí você recebe uma ligação de sua vó que te fala o quanto você precisa ficar de pé, nas dificuldades que passou antes mesmo que você tivesse chegado a esse mundo. Você presta atenção e percebe o quanto seus problemas são pequenos. Enxuga as lágrimas e promete a si mesmo que vai conseguir.

Esta noite você vai fazer diferente! Você teve uma ligação da vó, sua melhor receita de Prozac.

Você vai lembrar do tempo que tinha medo de vampiros, dos verdadeiros.

Não vai se esconder debaixo do edredon, porque já aprendeu a perder o medo.

Vai encostar o dedão do pé quente na parede fria e vai redescobrir na simplicidade a beleza da vida.

No final da noite você vai rezar, por você, pelo seu cachorro, hamster e periquito que já se foram, pelos teus avós que ainda estão de qualquer forma ao seu lado, pelo teus pais, primos, tios, dindos e amigos e vai voltar a aprender a usar uma palavra por você já esquecida: gratidão.

E vai remoldar em seu rosto uma máscara que você jamais deveria ter deixado cair, uma máscara que cobre todas as palavras feias que te fizeram aprender, a da leveza de ser uma criança, que só dá valor as coisas que vem do coração e não da razão.

Ficando careca? Siga as dicas de um cabeludo!

FICANDO CARECA?

Depois da gordura ou em igual proporção, a preocupação com o cabelo é a que mais assusta, sejam eles homens ou mulheres.

Gosto de assistir os comerciais das grandes marcas de cosméticos com suas estrelas, que usam o que há de melhor na indústria cosmética diariamente,além dos cuidados que recebem do seu dermatologista, aliado a muitas cápsulas antioxidantes, fórmulas ortomoleculares gigantescas e que no dia da gravação do comercial realizam um tratamento praticamente fio à fio com os melhores profissionais do ramo para ficarem com aquele cabelo perfeito e que fazem com que você acredite que ela usou aquele xampu e ficou do jeito que está ali na telinha. Sim! Não pense que sua estrela da campanha tem o cabelo “ruim” e muito menos que tenha usado aquele xampu, que você encontra na prateleira do supermercado por R$5,99

Um fato que muito me incomoda é observar aquelas pessoas, que tem o cabelo “não tão dignos”, digamos assim, e que os “atocham” com creme para pentear, hidratante, condicionador, óleos e sei lá mais o quê, ficando o dia inteiro com aquilo na cabeça, pegando sol e chuva na esperança que o cabelo vai ficar incrível! Pior ainda é fazer deste fato um ritual diário! Coitado de quem anda ao lado dessa pessoa todos os dias e tem de suportar o cheiro forte que vem da cabeça da criatura, aquele cheiro de “Kolene”, “Coquetel de Frutas”, etc…

Caso você seja um(a) deste(a)s, fique sabendo que o que você está fazendo pode até hidratar seu fio, mas seu couro cabeludo está clamando por uma chuveirada, pois você está desenvolvendo uma bela seborréia ou então criando uma bela colônia de fungos, pois suor aliado ao creme, que na grande maioria são derivados de sebo animal, transformam-se num verdadeiro banquete para bactérias. Não reclame caso criar um cogumelo na cabeça!

Uma coisa muito importante é saber que xampu foi desenvolvido para limpar e condicionador e creme para hidratar, aplica-se fina camada deste ao longo dos fios e não no couro cabeludo e enxágua-se com muita água, quanto menos resíduo melhor! Apenas isso!

Quanto a escolha, dê sempre preferência a xampus cristalinos, ou seja, não perolados, caso você tenha tendência a oleosidade e/ou caspa, pois quanto mais opaco, mais aditivos químicos foram utilizados para manter aquele aspecto que é lindo visualmente, mas um vilão para o seu couro cabeludo!

Xampus dois, três e até quatro em um, também são formadores de sebo, evite-os, não tenha preguiça de usar dois frascos, um para o xampu e outro para o condicionador, pois você pode dosear a quantidade certa, sem exageros, a sua saúde capilar agradece e nunca, jamais escolha um xampu apenas pelo cheiro! Isto é cruel, se você quer perfume,compre um perfume e o use abaixo da região cabeça ok?

Finalizando as dicas, água muito quente, apesar de ótima no inverno, principalmente para os gaúchos como eu, deve ser evitada! Você usa água quente para desengordurar os pratos sujos de óleo na cozinha não é? O mesmo faz na sua cabeça, ela desengordura totalmente o fio e seu corpo responde com efeito rebote, produzindo o dobro do sebo para repor a sua quantidade de sebo normal. Perceba que no inverno, quase todos estão com cabelo com aspecto bem mais sujo, é o efeito rebote do banho quente! Água na cabeça de morna à fria ok?

Aliás você já se perguntou porque temos tanto cabelo na cabeça? Você sabe qual a função? Não é apenas embelezar a cabeça, a função do cabelo é proteger o cérebro, pois amortece o mesmo de eventuais batidas e pancadas, além de proteger o cérebro do frio e radiação solar. Interessante não?

Por incrível que pareça a ciência é ainda um tanto atrasada nesta área, a de queda, a não muito tempo atrás, século passado, chegou-se a acreditar que a queda de cabelos fosse derivada de gases intestinais, pois é! Acreditava-se que os gases subiam pelo corpo e empurravam os fios da cabeça! Acredite! A couve, o feijão, o ovo e todas as proteínas levavam a culpa! Um absurdo, mas foi uma idéia válida por muito tempo!

Hoje evoluímos um pouquinho mais, disse um pouquinho… quanto aos produtos anti-queda no mercado os dermatologistas adoram recomendar o famoso hormônio minoxidil, que tem a função de estimular a vascularização do couro cabeludo permitindo oxigenação da área, agindo nos folículos vivos, aquele folículo que já “morreu” não se recupera mais. O minoxidil pode ser uma saída, mas você fica praticamente dependente, parou de usar o cabelo volta a cair! Procure se informar com seu dermatologista com os produtos derivados naturais como o Procapil, Serenoa repens, Auxina tricógena, Zymo HSOR, que tem excelentes resultados.

Enfim, particularmente tenho pavor de ficar careca, não custa nada tomar certos cuidados, o famoso ditado: “É dos carecas que elas gostam mais” pode até estar na moda por causa da princesa Kate Middleton, mas será que a maioria pensa assim?

POR AÍ com o designer Bruno Lima em Atlanta

Vamos para Atlanta?

Quando eu escuto falar em Atlanta logo me vem à cabeça os josgos olímpicos e lembro da Bjork vestida de cisne…Ops! Bjork foi na Olimpíadas de 2004 em Atenas cantando Oceania, inesquecível! Mas voltando a Atlanta, ela é a capital e também a cidade mais populosa do estado norte-americano da Geórgia. Junto a Dallas, Houston e Miami, Atlanta é um dos motores propulsores do “Novo Sul” e é atualmente a região de maior crescimento populacional e econômico dos EUA.

Atlanta vem assumindo cada vez mais um lugar entre as grandes metrópoles mundiais e para quem pensa em conhecer esta grande cidade, convidei meu amigo Bruno Lima que é top designer e stylist e mora lá há anos para dar dicas dos melhores roteiros deste lugar incrível!

Introducing Bruno Lima

Introducing Bruno Lima

 

O que faz? Atualmente sou responsável pelo “Luxury Program” (pós-graduação) e diretor do Departmento de Fashion Marketing and Mangement no Savannah College of Art and Design, também designer da linha SPANX FOR MAN, stylist e consultor de tendências e branding.

Vocês podem ver alguns dos meus trabalhos no meu site: www.brunolimadesign.com
A partir de agora, conheça Atlanta com quem sabe o que é bom! Anote aí as dicas de Bruno Lima!

Atlanta Aquarium - é o maior aquário do mundo e recebe vários visitantes do mundo inteiro.

Atlanta Aquarium - é o maior aquário do mundo e recebe vários visitantes do mundo inteiro.
Atlanta Aquarium – é o maior aquário do mundo e recebe vários visitantes do mundo inteiro.

 

Piedmont Park - o coração de Midtown, é lugar perfeito para correr, caminhar, fazer piqueniques, assistir shows e foi projetado pelo mesmo arquiteto do Central Park.
Piedmont Park – o coração de Midtown, é lugar perfeito para correr, caminhar, fazer piqueniques, assistir shows e foi projetado pelo mesmo arquiteto do Central Park.

 

Pure Taqueria em Iman Park - great mexican food, great music, great crowd!
Pure Taqueria em Iman Park – great mexican food, great music, great crowd!

 

High-Museum of Art - museu com varias exposições e eventos muito legais
High-Museum of Art – museu com varias exposições e eventos muito legais

 

The Clothing Warehouse - roupas vintages incríveis!!!
The Clothing Warehouse – roupas vintages incríveis!!!

 

Sid Mashburn - votada pela revista GQ como uma das melhoras lojas masculinas no USA
Sid Mashburn – votada pela revista GQ como uma das melhoras lojas masculinas no USA

 

Buckhead Dinner  - real american dinner food - delish!!!
Buckhead Dinner – real american dinner food – delish!!!

 

Espero que amem Atlanta tanto quanto eu amo esta cidade! WELCOME!

Big hug

Bruno!

Das coisas de ser gaúcho

Tomando um chimas com vista para o rio Guaíba, Rio Grande do Sul

Tomando um chimas com vista para o rio Guaíba, Rio Grande do Sul

 

Ser gaúcho

É ter que acordar cedo, mesmo que seja domingo, pra tomar café junto com o pai, com a mãe. Levanta “o lagartiXa”!

Café da manhã é cacetinho com chimia, almoço é churrasco e” janta“ é carreteiro, barulho de prato não é comida vivente!

É tomar banho com água “peleando” de quente;

É sair do banho com frio de renguear cusco reclamando: ”A La putcha tchê!”

Quando vê que a prosa vai ser longa vem a pergunta: “Me acompanhas num chimas tchê!?”

Chimarrão é mais que uma bebida quente, é remédio, é conversa, é poesia;

É tomar as tuas dores falando: “Mas bah tchê! Que barbaridade! E pra concordar que a pessoa agiu errado contigo: “Baita grosso!”

É saber a diferença entre um lambari e um girino;

É ser tri arriado;

É nunca se miXar diante dos problemas da vida, porque gaúcho não se azucrina!

É gavar ao invés de elogiar;

É não te provocar, é inticar;

É te ofender dizendo que tu não presta nem pra benzer tormenta!

É se exibir dizendo que tem BANRICOMPRAS;

Zaffari é o melhor e maior “shopping” do mundo, talvez perca pro DC Navegantes ;

A mulher gaúcha sempre vai ser a mulher mais linda do planeta e Gisele Bundchen nem é o exemplo, o exemplo é Ieda Maria Vargas, “o pai que vem com essas”;

Ainda das mulheres gaúchas, ela pode fazer sucesso lá fora como modelo, mas gata mesmo é a que venceu o Garota Verão, tem cada “alemoa-polenteira” ;

Toda família gaúcha tem uma tia-avó inconveniente que está presente em todo almoço e jantar realizado na tua casa, é a tia que não tem paciência pra te ouvir, ela corta o teu “papo” porque sempre tem um “causo” mais curioso da comadre que você nem imagina quem seja;

Esta mesma “tia avó” vai perguntar se tu estás doente depois que tu lutastes meses contra a balança e vai te chamar de “pau de vira tripa” e diz pra tua outra tia que tu “tá que é um risco e fedor”

É ter que dar um “para-te-quieto” em quem não acha que Porto Alegre é capital mundial;

É ficar “de cara” porque soube que os vizinhos se separaram depois de todo mundo;

É se programar pra passar o feriado em Imbé ou Tramandaí, mesmo a praia sendo duas horas de casa;

É pegar a Freeway reclamando do movimento, sempre o pior que já pegou, mas sempre elogiando o quanto a pista tá ótima;

É levar a família toda pra praia, as “tia” e os “tio”, os “primo” e as “prima” que vem de Bagé, de Caxias e de Esteio, quando “junta” toda a turma você não sabe se tão se matando ou se divertindo porque é uma mistura de grito com sorriso que só a gauchada sabe fazer bem;

Alpargata e bombacha nunca vão sair de moda, mas moda boa é quando é à moda bicho;

O hino do Rio Grande do Sul é ensinado antes que o nacional;

Tchê! Mas que lezera! Vou parando por aqui esta prosa e como gaúcho que sou que não baixo o facho, digo que ser gaúcho não é só ter nascido com muita sorte, ser gaúcho é destino.

Mas bah tchê! Não nasceste gaúcho? Então guri de merda te some da minha frente! Tu tá lascado!

Tô brincando, é só pra inticar contigo!