10 super dicas anti-envelhecimento

Segue a entrevista que dei com exclusividade para a revista La Jackie.

laajackieEmpresário, farmacêutico, modelo, blogueiro… Não são poucas as atividades desse gaúcho que circula por Paris, Nova York e Milão com a mesma desenvoltura que tem diante das câmeras de TV onde pode ser visto falando das novidades – naturais e saudáveis – para a beleza e a saúde. Jamar Tejada, ou Tejard, aos 38 anos, é um espiritualista interessado nas artes, moda e amigos. Mas sua primeira e verdadeira paixão é a saúde. Com exclusividade para a La Jackie, ele listou os dez itens imprescindíveis para que os internautas mantenham a saúde, a beleza e um “allure” jovem.

 

1) Se alimente, não coma!
A diferença é simples. Quando você se serve de um prato colorido, rico em fibras, minerais e vitaminas, está se alimentando, mas se você serve um prato cheio de produtos enlatados e embutidos, está apenas matando a fome. Estes tipos de alimentos podem causar alergias e doenças cardiovasculares e, quando consumidos em excesso, podem levar até mesmo ao desenvolvimento de tipos específicos de câncer devido inúmeros aditivos químicos, aromatizantes, corantes, antioxidantes, estabilizantes, conservantes e acidulantes. Comer menos também é importante. Nos Estados Unidos, um estudo comparou cinquentões que viviam de dieta com outros que consumiam, em média, 2 000 calorias por dia. A conclusão foi que o primeiro grupo teve uma expectativa de vida cerca de 30% maior, além de aparentar ser mais jovem do que os congêneres da mesma idade.

2) Tire o saleiro de cima da mesa.
O maior prejuízo do excesso desse vício tão comum a nossa mesa é o aumento de pressão arterial. Quando o sal entra no corpo, ele é absorvido pelo intestino e vai direto para o sangue, e, quando consumido em grande quantidade, cai na mesma proporção nos vasos. Como a água do corpo é sugada pelo cloreto, o organismo, na tentativa de manter o equilíbrio e normalizar a falta de água, eleva a pressão arterial para aumentar fluxo de sangue circulando, a propriedade osmótica do cloreto de sódio (sal).

3) Refrigerante? Não!
Além de ter um valor nutricional quase nulo, os refrigerantes possuem alto teor de açúcar, que eleva também o valor calórico da bebida, os compostos presentes nos refrigerantes como sódio, corantes, acidulantes e conservantes apresentam sérios riscos à nossa saúde a médio e longo prazo. O consumo da bebida pode resultar em retenção hídrica, visível inchaço nas pernas e membros inferiores,comprometimento do trato gastro intestinal. Em relação as muitas substâncias artificiais em sua composição, as variações “cola”, contêm grande quantidade de fosfatos, que em excesso, provocam o enfraquecimento dos ossos através da liberação do cálcio, facilitando a incidência de doenças ósseas, como a osteoporose. A questão do ph ácido também é preocupante porque propicia um envelhecimento mais rápido.

4) Muito suco colorido!
Os antioxidantes são moléculas responsáveis por neutralizar os radicais livres, combatendo a oxidação das estruturas celulares, quando isso ocorre, é possível prevenir doenças como câncer, problemas no coração, doenças de pele, além de ajudar no bom funcionamento das funções cerebrais, ou seja, o uso de antioxidantes previne o envelhecimento precoce. A maneira mais fácil de encontrá-los? In natura! Há alimentos que são fontes de antioxidantes: legumes e frutas laranjas e vermelhas são ótimos exemplos. Por isso combine-os de acordo com seu paladar! Só faz bem!

5) Água de beber!!
Com o avançar da idade diminuimos a secreção salivar e aumentamos os problemas de desidratação. Beber água é importante para todo mundo, mas quanto mais avançada a idade, mais importante é a hidratação. A falta de água suficiente no organismo está associada à sensação de cansaço, sonolência, perda de desempenho físico e metal, danos à aparência da pele, e outras funções orgânicas. Água hidrata! 3 litros ao dia por favor!

6) Durma bem!
Uma boa noite de sono é essencial para manter os níveis de energia, além de ter importância fundamental na formação de hormônios importantes para o humor e anti-envelhecimento, portanto desacelere um pouco o ritmo intenso do dia antes de dormir , tome um floral de Bach, leia um livro, relax!

7) Use fio dental!
De acordo com pesquisadores da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, a inflamação bacteriana da gengiva, causada pelo acúmulo de resíduos alimentares entre os dentes, aumenta em 72% o risco de doença cardiovascular!

8) Chá das 5!
O hábito cultivado pelos ingleses pode ajudar no combate à doença de Alzheimer, alem disso muitos estudos indicam também que o consumo de chá reduz os riscos de câncer. O chá verde é o que promete maiores benefícios.

9) Chocolate sim!
Em pequenas quantidades, ele pode ser benéfico à saúde, em pequenas! Segundo estudo do King’s College, de Londres, a quantidade de flavonóides encontrada em 50 gramas de chocolate é equivalente à de seis maçãs, duas taças de vinho ou sete cebolas. Os flavonóides têm sido apontados como importantes armas no combate aos radicais livres.

10) Transe mais!
A atividade sexual traz sensações de prazer e bem-estar, combate o stress, aumenta a auto-estima e ainda por cima, ou por baixo, queima calorias. Estudos mostram que as pessoas sexualmente ativas são mais saudáveis, segundo a OMS, o sexo é um dos quatro pilares da qualidade de vida, ao lado do prazer no trabalho, da harmonia familiar e do lazer.

Confira a matéria na íntegra: http://lajackie.com.br/2014/?p=2516

1hora de entrevista com super dicas para sua saúde

Confira a entrevista realizada comigo pela jornalista Liliane Ventura no programa Gente que Fala e entenda mais sobre homeopatia, produtos naturais entre tantos outros assuntos que você deveria entender para viver melhor.

Homeopatia: Tire Suas Dúvidas

Homeopatia pode fazer mal, tem efeitos colaterais? Pode prejudicar o paciente? Produtos naturais, fitoterapia, florais e homeopatia são a mesma coisa? Tire suas dúvidas conferindo minha entrevista ao programa GENTE QUE FALA com a apresentadora Liliane Ventura.

Groselha Negra

Somos bombardeados na mídia a cada dia com produtos inovadores para a solução dos mais diversos problemas: depressão, obesidade, envelhecimento, etc. Como farmacêutico recebo em média pelo menos cinco lançamentos do mercado por semana, imagina quanto produto prometendo milagres!

Entre essa infinidade de produtos lançados, faço uma varredura e levo pra dentro da minha casa e porqu não dizer dentro do meu corpo tudo aquilo que vejo que realmente é positivo, ainda mais se tiver efeito anti-oxidante!

Acho bacana que o segmento natural está entrando no meio médico cada vez com mais força e as pessoas realmente estão se conscientizando que fitoterápico é muito melhor que alopático e que não é por ser natural que o efeito é demorado, que é a dúvida errônea que mais percebo com meus pacientes e clientes.

Hoje vou falar de uma frutinha que tenho gostando tanto quanto o gojiberry e o cramberry, a já conhecida groselha negra, que muitas pessoas acham que nem fruta é, que é apenas um xarope doce pra se colocar emcima do sorvete! Não, a groselha negra é uma frutinha de verdade e tem vários benefícios. Além de ser um anti-inflamatório natural que ajuda no combate à celulite, ela é fonte de vitamina C e de antioxidantes, rica em potássio e também contém quantidades moderadas de caroteno (uma forma de vitamina A) que contribuem para o retardo do envelhecimento das células.

O que acho interessante e particular da groselha negra é que ela contêm cerca de 300 tipos diferentes de antocianinas, isso até agora encontrados, daí um dos potentes efeitos antioxidantes encontrados nela. As antocianinas reduzem a inflamação e os efeitos da artrite no corpo, tendo efeito semelhante à aspirina ou ibuprofeno, ou seja, melhor tomar cápsulas de groselha negra do que esses medicamentos químicos com tantos efeitos colaterais.

Você deve estar pensando em se empanturrar das frutinhas, como muita gente vem fazendo com o gojiberry, o que não é necessário já que hoje você pode comprar as cápsulas com a quantidade diária necessária para obter os efeitos desejados, ou seja você precisa 100 gramas de frutas frescas para se retirar 460 mg do óleo de semente, onde os nutrientes estão concentrados, o problema é comer isso todo santo dia sem enjoar.

No mercado farmacêutico você já encontra a groselha negra há algum tempo sem saber, um dos produtos muito conhecidos das “anti-aging addicts” é o Innéov Nutri-Care, ele é um dos nutricosméticos que tem como base o substrato da groselha negra. As pílulas são voltadas para quem busca combater a queda de cabelo e conseguir fios hidratados e com brilho, já que groselha negra ajuda na microcirculação, melhorando o acesso dos nutrientes à raiz, reduzindo a quebra, além disso também tem uma função estrutural ao auxiliar na produção de ceramidas, o que gera uma melhora do cabelo como um todo.

Então além dos efeitos estéticos cito aqui embaixo a relação de todos os benefícios da groselha negra para a nossa saúde:
• Previne a diabetes;
• Auxilia no tratamento de doenças oculares como miopia e a catarata;
• Possui poderosa ação anti-oxidante que ajuda na prevenção de demência;
• Ajuda a diminuir as dores causadas pelo reumatismo;
• Ajuda no combate às doenças cardiovasculares, envelhecimento, inflamação das articulações, fadiga ocular, pedras nos rins e até cancro;
• Por ser anti-bacteriana, protege o corpo contra várias infecções, principalmente a urinária;
• É um importante ingrediente de muitos tônicos capilares, melhora a pigmentação do cabelo e crescimento de pêlos, pois fortalece o cabelo desde a raiz e mantém a cor e o brilho dos cabelos;
• Melhora a pele;
• É usada por herbalistas para curar a diarreia, amigdalite e tosse;
• Estimula a capacidade metabólica do corpo;
• Limpa o sangue de toxinas, resíduos e colesterol.

Gostou? Então o que está esperando pra tomar as cápsulas dessa frutinha super poderosa?

Confira a matéria na íntegra: http://www.tatianadumenti.com.br/groselha-negra-a-frutinha-que-te-deixa-bonito-por-dentro-e-por-fora/

Pill food, a composição que trata seus cabelos, pele e unhas

A queda de cabelo é um dos problemas que mais assombra homens e mulheres de todas as idades, as pessoas podem estar com mil problemas de saúde, mas a questão estética sempre é a que “pega”. Perdoem-me os carecas, mas um cabelo bonito e saudável é ainda um dos melhores cartões de visita, se não o fosse não existiriam tantos produtos capilares no mercado cosmético.

No meu trabalho sempre questionam o que eu indico para a queda de cabelos, são vários os fatores que a desencadeia, pode ser genético, por algum problema hormonal, pode ser deriavada do uso de algum medicamento, pode ser alérgica, pode ser por estresse ou por simples carência de sais minerais e vitaminas oriundos de uma má alimentação o que é bem comum nos dias atuais.

Infelizmente para saber qual dos motivos gerou sua queda você deverá testar as possíveis soluções. Poderia indicar vários produtos, mas cada caso é um caso, então irei citar apenas um produto que recebo muitas dúvidas, o chamado PILL FOOD, traduzindo “Pílulas de comida”, nomezinho feio mas com resultados bem satisfatórios, pois os cabelos ficam mais fortes, resistentes a tinturas e outros processos químicos, diminui a queda dos fios e ainda o terrível frizz, aquele aspecto que parece que acabou de levar um choque!

Você deve estar se perguntando qual o segredo dessa cápsula “milagrosa”?

O Pill Food é um suplemento alimentar composto dos seguintes compostos: colágeno, biotina, vitamina E, cisteina, pantotenato de cálcio, cistina , vitaminas B6 e B2 e Metionina; ou seja, uma formulação a base de proteínas, minerais e vitaminas que entram na formação do cabelo.

Pessoas com doenças capilares são os principais adeptos dessa fórmula, para os casos de calvície o Pill Food pode ser usado como um complemento a um tratamento que esteja sendo feito, mas como trata-se de um suplemento alimentar ele apenas vai estimular o crescimento e o fortalecimento dos seus cabelos. Se por acaso a causa da sua queda de cabelo esteja relacionada a um fator genético, o uso desse produto pode não resolver o seu problema.

O bom é que esse produto tem eficácia comprovada e pode ser usado não só por quem procura benefícios para os cabelos, mas também para o tratamento de unhas fracas que tendem a ficar quebradiças ou lascadas.

Vale também ressaltar que o Pill Food aumenta a imunidade do organismo, trazendo assim benéficos para a pele, deixando-a com aspecto mais jovem e saudável.

Apesar de ser um produto de fácil acesso em farmácias de manipulação, não deixe de questionar o farmacêutico ou dermatologista sobre as possíveis causas de sua queda de cabelo!

Confira a matéria na íntegra: http://www.tatianadumenti.com.br/pill-food/

Os Benefício do Licopeno

O tão popular e conhecido da mesa de todo brasileiro, o Sr. Tomate é uma ótima fonte de vitamina C e A e de minerais, como potássio, sódio, fósforo, magnésio fibras, ácido fólico e além destes ele também fornece o tão famoso licopeno, este carotenóide é o componente responsável por dar a cor vermelha a esse fruto, assim como para a goiaba vermelha, melancia, papaia, mamão e a pitanga, ou seja um número limitado de alimentos. Assim, quanto mais vermelho o tomate, maior a concentração de licopeno. Além da coloração, outros fatores influenciam o teor de licopeno do tomate: o grau de maturação, clima e local de plantio. Os alimentos com concentração maior de licopeno são produzidos em regiões com climas quentes.

tomate-cereja-1024x739

O licopeno funciona como um potente antioxidante, isto é, atua na neutralização dos radicais livres, protegendo as células do envelhecimento precoce, além de estimular a atuação do sistema imunológico. A atividade do licopeno que mais merece destaque é a capacidade de reduzir praticamente pela metade os casos de câncer de próstata, devido sua atividade antioxidante, também afastando riscos a doenças cardiovasculares. O licopeno também tem possibilidades de atuar contra tumores de esôfago, pele e pulmão.

Tanto o tomate, como os seus produtos (molhos, pastas, sucos) contribuem com aproximadamente 85% do total de licopeno da dieta. Agora, com os preços inflacionados do tomate, o seu consumo tende a cair. Mas é possível incluir outros alimentos no dia a dia que oferecem esse importante carotenóide.

A melhor forma de ingestão do licopeno é a proveniente dos próprios alimentos; confira algumas opções de fontes de licopeno (²,³):

tabela-tomate

Deve-se consumir pelo menos 1 (um) tomate, 3 (três) vezes por semana, pois ao adotar esse hábito ele ajuda a prevenir tumores e reduzir as taxas de colesterol no organismo e também a prevenir a formação de placas de gordura nas artérias, ajudando assim o sangue circular e com isso há uma redução nos riscos de desenvolver doenças cardiovasculares, como citei acima.

O licopeno tem sido objeto de pesquisa, não há ainda uma conclusão sobre a quantidade recomendada para a população. Segundo RAO, A.V e SHEN,H. (2002)⁴, o consumo de 5 mg à 10 mg de licopeno por dia é suficiente para conseguir os benefícios do carotenóide. Outro estudo, realizado por RAO, A.V e AGARWAL, S. (2000)⁵ sugeriu que o consumo médio de licopeno para a população deveria ser de 35 mg/dia, lembrando que esse antioxidante pode ser comprado atualmente em cápsulas na farmácia de manipulação.

A cada 100g de tomate maduro podem fornecer até 20mg de licopeno. O suco de tomate tem cerca de 150mg de licopeno/litro e o catchup tem cerca de 100mg/kg do produto. Cerca de 30mg da substância (também encontrada na goiaba, pimenta e pimentão vermelhos, morango e melancia) já é capaz beneficiar a saúde do nosso organismo.

Curiosidades sobre esse antioxidante
– A absorção do licopeno pelo organismo é muito maior quando em molhos ou concentrados, do que em tomates frescos, mas a quantidade de licopeno encontrado em produtos processados depende das condições de processamento e composição dos alimentos de origem. Os níveis de licopeno nos produtos processados são mais elevados do que os encontrados nos alimentos crus, pois essa concentração do produto há no processamento do mesmo, como por exemplo, na pasta e no purê de tomate.

– O cozimento do tomate faz com que aumente a biodisponibilidade do licopeno, isto é, facilita a absorção pelo organismo.

– Outro truque é acrescentar gordura – um fio de azeite no seu molho de tomate.Ao aquecer o tomate e regar com um fio de azeite, a absorção e a ação benéfica do licopeno tem mais eficácia. Mas ao optar pelo alimento cru em saladas e outros pratos, o organismo ganhará uma boa dose de vitamina C, nutriente este que acaba contribuindo com a proteção contra as doenças cardiovasculares

– É importante lembrar que por mais que alimentos como o catchup e molhos de tomate industrializados forneçam licopeno, também oferecem sódio, conservantes e aditivos alimentares.

Confira a matéria na íntegra: http://www.tatianadumenti.com.br/os-beneficios-do-licopeno/

A Guerra diária anti-envelhecimento

Todo mundo ouve falar em anti-oxidantes e radicais livres quando o assunto é envelhecimento, sabe que existe alguma relação aí, mas não tem a mínima idéia de quê, aliás esses radicais livres deveriam estar presos?! São do grupo do mal? E presos onde?

Esse artigo escrevi pra você entender o processo e não fazer cara de entendido quando não está entendendo nada! Simplificando um dos maiores culpados é o oxigênio, respirar envelhece, mas calma, não precisa fechar o nariz!

Os antioxidantes são do grupo do bem e destroem os radicais livres, o grupo do mal e a todo momento está ocorrendo uma guerra dentro do nosso corpo, entenda.

Primeiramente, os radicais livres são moléculas que ficam “soltas” em nosso organismo, o que acaba levando essa molécula a entrar em nossas células, causando a oxidação da mesma, oxidação é sim o “enferrujamento”, “envelhecimento” da mesma, ou seja, os radicais livres lesionam ou até matam as coitadinhas de nossas células. Essas lesões levam ao envelhecimento precoce e até mesmo à várias doenças como cardiopatias, aterosclerose, diabetes e o temível câncer.

Não tem como não ser atingido por eles, já que nós o produzimos até quando respiramos ou praticamos atividades físicas, portanto o consumo dos chamados antioxidantes é a principal maneira de nos previnirmos conta a ação das moléculas de radicais livres.

Os antioxidantes atuam em diferentes formas contra os radicais livres, eles agem impedindo a formação das moléculas, também são capazes de impedir esse ataque dos radicais livres evitando a formação dessas lesões em nossas células, eles ainda podem reparar as lesões caudadas pelos radicais removendo os danos e reconstituindo as células danificadas.

Anote aí onde você encontra os anti-oxidantes, o grupo do bem:

Entre os antioxidantes estão a vitamina A, que pode ser obtida através do consumo de cenoura, abóbora, brócolis, batata doce, tomate, couve, melão, pêssego, entre outros alimentos e tem apresentado ação preventiva contra vários tipos de câncer como o de mama, estômago, bexiga e pele e vitamina C, presente em laranjas, limas, limões, pimentões, vegetais com folhas verdes e morangos e pode previnir o câncer retal ou de cólon.

Já a vitamina E está presente nas frutas secas e sementes, grãos integrais, óleos vegetais e óleo de fígado. Outro antioxidante conhecido, o selênio, pode ser obtido da carne de peixe e frutos do mar, carne vermelha, ovos, frango e alho e pode impedir danos causados por radicais livres associados a doenças específicas como artrite ou catarata.

Os flavonídes são responsáveis por “eliminar”os radicais livres do nosso organismo e também estão associados a prevenção de doenças cerdiovasculares. O licopeno é o principal flavoníde encontrado em nossa alimentação e é bastante associado a prevenção de vários tipos de câncer.

As catequínas podem ser benéficas para algumas doenças como o diabetes tipo 1, cardiopatias e infecções virais.

Os alimentos ricos em antioxidantes mostram que uma dieta variada é importante para a manutenção da saúde do nosso organismo.

Um dos antioxidantes que muito se ouve falar por aí é o resveratrol, uma substância encontrada na casca da uva vermelha e presente em vários derivados deste fruto, como por exemplo, o vinho tinto, depois que se descobriu isso muita gente começou a beber, muito cuidado aí! Além de sua ação anti radicais-livres ele evita acúmulo de colesterol, diminuindo risco de doenças cardiovasculares, combate dores articulares, previne da doença de Alzheimer, aumenta a resistência de fibras colágenas;

Outra dica interessante é a Coenzima-Q10, mas vamos deixar esse assunto pra outro artigo, pois na luta contra o envelhecimento toda informação é pouca!

E não se esqueçam sempre consultem um farmacêutico, médico endocrinologista, nutrólogo e/ou nutricionista para a indicação correta da quantidade necessária de antioxidantes para cada individuo e saiba que os alimentos podem ser utilizados como auxiliadores na prevenção e tratamento de várias doenças e não podem ser substitutos de medicamentos e outros tratamentos indicados por um médico.

guerra-anti-envelhecimento

Confira outras matérias do nosso colunista no site: www.tejardiando.com.br. Na Anjo da Guarda- Farmácia de Manipulação e Homeopatia (11 3063-1333) você encontra 60 capsúlas de resveratrol 50mg por R$45,00

Veja a matéria na íntegra: http://www.tatianadumenti.com.br/a-guerra-diaria-anti-envelhecimento/

Clorela: alimento dos astronautas da Nasa para sua casa

As pessoas sempre me questionam quais são meus produtos preferidos quando o assunto é anti-envelhecimento, aqueles aos quais não vivo sem, não sou desses que faz segredo com a fórmula da juventude, obviamente não existe uma única fórmula, acredito que a melhor seja a aplicação daquela frase tão piegas: “viver sempre feliz!”, mas como viver feliz não está fácil para ninguém temos que “nos puxar” com alguns artifícios farmacêuticos, nutracêuticos e o que mais puder ajudar. É claro que a ajuda divina está valendo, mas como farmacêutico bonzinho que sou vou dar uma grande dica que roubei da NASA, um suplemento nutricional utilizado pelos astronautas nas viagens espaciais desde que as mesmas se iniciaram, uma alga verde de água doce chamada CLORELA (Chlorella pyrenoidosa ou regularis).

IMG_32061-1024x682

Com preço relativamente baixo e por apresentar um importante concentrado natural de nutrientes, sendo uma fonte rica de elementos primários, é considerada um alimento completo, rica em clorofila, previnindo e combatendo a anemia ferropriva, com propriedades desintoxicantes, auxiliando na desintoxicação do organismo afetado por metais pesados, como o mercúrio e outras substâncias como pesticidas, sendo então indicada na prevenção e no combate do envelhecimento precoce e como estimulante das defesas do sistema imune.

A palavra Chlorella provém do prefixo grego “chloros” que significa “verde”; e do sufixo latino “ella”, que significa pequeno” e foi identificada pelos japoneses, grandes consumidores de algas. Os primeiros estudos, realizados por alemães e norte-americanos a respeito da clorela, ocorreram durante a II Guerra Mundial com o objetivo de encontrar-se uma alternativa de complementação alimentar para os campos de batalha. Atualmente, a China e o Japão são considerados os maiores produtores dessa alga que desenvolve-se espontaneamente em tanques e lagos e apresenta elevado valor nutritivo e grande capacidade de realizar fotossíntese.

Farmaceuticamente é interessante saber que a clorela contêm:
• 60% de proteínas, ou seja possui mais proteínas do que a soja (37%), a carne de vaca (45%) e o trigo(10%);
• Oito aminoácidos essenciais e todos os não-essenciais (apresenta apenas uma pequena redução na quantidade de metionina).
• Rica fonte de beta-caroteno, 10 vezes mais do que a cenoura.
• Vitaminas C, E; K; B1, B2, B6 e B12, aos que detestam bife de fígado saibam que a clorela contém mais vitamina B12 do que ele.;
• Niacina, um dos componentes da vitamina B3;
• Ácido pantotênico, um dos componentes do complexo B; que quando em falta faz com que ocorra uma menor resposta funcional das glândulas supra-renais em situações de estresse.
• Ácido fólico, que quando em falta faz com que as células vermelhas sejam má formadas, resultando em anemias.
• Biotina ,que é uma parte do complexo B; sua deficiência gera cansaço, eczemas, palidez, dores musculares e atrofia das papilas da língua.
• Colina, que participa no metabolismo dos lipídios e na transmissão dos impulsos nervosos; sua deficiência pode acarretar degeneração gordurosa do fígado, retardo do crescimento, involução da glândula timo e diminuição da secreção láctea.
• Inositol, também do grupo do complexo B; participa do metabolismo das gorduras; acredita-se ser capaz de reduzir a congestão do fígado e de protegê-lo..
• Ácido para-aminobenzóico ou PABA, um importante precursor do ácido fólico.
• Outras vitaminas em pequenas quantidades.
• Sais minerais e outros componentes: cálcio; magnésio; zinco; cobre; manganês; ferro; enxofre; iodo; fósforo; potássio; cobalto; selênio e também enzimas (dentre as quais, importantes enzimas digestivas); fibras; ácidos graxos poliinsaturados e ácido lipóico.

20 motivos para incluir CLORELA em sua alimentação.
• Fortalecer o organismo.
• Nos quadros de anemia e carência alimentar.
• Antiviral
• Antitumoral.
• Contra azia e gastrite.
• Fraqueza, debilidade física e mental.
• Estimulante do sistema imune.
• Combate a acidez sangüínea.
• Oferece elementos que auxiliam na reparação tecidual, na integridade, no crescimento e desenvolvimento celular.
• Anti-estresse.
• Na convalescença e senilidade.
• Bacteriostática e antiinflamatória.
• Beneficia a digestão e o funcionamento intestinal.
• Combate o envelhecimento precoce.
• Na desintoxicação do organismo e em beneficio do sistema digestivo, devido à alta concentração de clorofila,
• Desnutrição.
• Perda de memória.
• Por promover sensação de saciedade auxilia contra a obesidade (devendo ser consumida 30 minutos antes das refeições)
• Doenças cardiovasculares e degenerativas.
• Nos quadros elevados de colesterol e triglicerídeos.

Seu uso terapêutico é também recomendado para bebês, crianças, grávidas, idosos e adolescentes e seu consumo deve ser muito criterioso, pois há, infelizmente, falsificação desse produto, converse com seu farmacêutico ou nutricionista de confiança sobre a melhor qualidade e procedência, além disso esses profissionais são importantes pois uma dosagem elevada pode causar ligeira diarréia, urticária e erupções na pele, devendo-se então combater a automedicação.

Na Anjo da Guarda (www.anjodaguardaph.com.br) – Farmácia de Manipulação e Homeopatia – 90 cápsulas de 500mg clorella custam R$68,00

Confira a matéria na íntegra: http://www.tatianadumenti.com.br/suplemento-alimentar-da-nasa-para-nossa-casa/