Saiba como a alimentação interfere na saúde da pele

Pele hidratada é sinal de beleza, mas não apenas isso. O órgão possui uma barreira de proteção natural que age impedindo a entrada de agentes nocivos em nosso organismo, por isso, quando devidamente cuidada, a superfície fica livre de fissuras que servem como porta de entrada para esses micro-organismos.

Jamar Tejada, farmacêutico homeopata, de São Paulo (SP), conta que a alimentação tem papel fundamental na saúde da pele “Quanto mais balanceada a dieta, mais hidratada a pele será. E isso não quer dizer apenas ingerir água, que claro, é essencial”, ressalta. Isso porque mas se as células não estiverem bem nutridas, com vitaminas e sais minerais, elas não conseguirão reter água, ou pelo contrário, irão retê-la em excesso, o que também desequilibra a integridade.

Quando as células não estão bem nutridas, com vitaminas e sais minerais, elas não conseguem reter água e manter a hidratação.

Quando se pensa em pele hidratada, também é preciso pensar nas gorduras. As insaturadas são divididas em monoinsaturadas – consideradas do bem –, que ajudam na redução do colesterol LDL (ruim) e auxiliam no controle dos triglicerídeos e do colesterol total, além de serem importantes transportadores de nutrientes para dentro das células e indispensáveis na formação dos hormônios sexuais.

As gorduras poli-insaturadas, também são bem-vindas, já que são óleos essenciais, ou seja, aqueles que o organismo não é capaz de produzir, mas extremamente necessárias para o organismo desempenhar diversas funções orgânicas. Por fim, os ômegas 3, 6 e 9. “É importante salientar que hoje em dia nossa dieta encontra-se com alto consumo de ômega 6, gordura encontrada nos óleos vegetais e utilizada na maioria das frituras de nossos alimentos. O problema maior está na gordura trans, que é a transformação do óleo vegetal em gordura sólida, que acaba com a integridade da pele”, afirma.

Além de caprichar no consumo de alimentos ricos em gorduras boas, vale lançar mão de outros hábitos que deixam a pele linda e saudável. Veja abaixo algumas dicas listadas pelo especialista e arrase!

  1. Mantenha uma alimentação a base de frutas, legumes, verduras e carnes brancas, evitando alimentos industrializados.
  2. Introduza probióticos a sua rotina de vida.
  3. Reduza ao máximo o consumo de açúcar (sacarose) e de açúcar simples, pois quanto maior a ingestão desse alimento maior a atuação da glicação na célula, logo mais acelerado o processo de envelhecimento cutâneo.
  4. Sempre que fizer uso de sabonetes, retire todo o excesso, para evitar que os agentes químicos do produto fiquem em contato com sua pele, resultando em irritação e desidratação.
  5. Beba no mínimo dois litros de água por dia para ajudar a hidratar a pele de dentro para fora, além de melhorar a excreção de toxinas de seu organismo, dê preferência a água alcalina.
  6. Evite bebidas alcoólicas assim como qualquer outra droga.
  7. Limpe, tonifique e hidrate a pele no mínimo duas vezes ao dia, mesmo quando sua pele for oleosa ela necessita de hidratação.
  8. Use filtro solar sempre, mesmo em dias nublados ou chuvosos.

 

Fonte: http://www.revistapenseleve.com.br/bem-estar-destaque/alimentacao-saude-da-pele/